D. A. de Biblioteconomia UFPE

Professor monta biblioteca em carrinho de supermercado no interior de SP

Um professor de Ipiguá, a 457 km de São Paulo, desenvolveu uma forma criativa de estimular as pessoas a ler no município. A cidade de 3,9 mil moradores não tinha nenhuma biblioteca. A solução foi levar os livros às casas dos moradores em um carrinho de supermercado.

A realidade de Ipiguá é a mesma de 840 municípios do país. Mas o professor José Roberto da Silva achou que poderia mudar um pedaço desse quadro. Primeiro, organizou uma gincana na escola, com a tarefa de arrecadar livros usados. “Nós arrecadamos 1.036, e dividimos em infantil, infanto-juvenil, adulto e gibis”, conta o professor.

Depois, foi só contar com a ajuda de um grupo de alunos, arrumar um carrinho de supermercado e estava criada a biblioteca ambulante, que percorre a cidade em busca de novos leitores. A chance de poder emprestar um livro na porta de casa é um incentivo a mais para a leitura. Em dois meses de trabalho, o grupo já vê os resultados: foram emprestados quase 300 livros.

De porta em porta, uma das alunas faz a propaganda, explicando que o grupo passa na casa depois de 15 dias para buscar os livros. Empurrar o carrinho é tarefa para o estudante Daniel Vargas, o maior da turma. “Anda, cansa um pouco, a gente tem hora que para um pouquinho para descansar. Mas vale a pena”, afirma.

As fichas são organizadas, e trazem uma oportunidade para quem gosta de ler. “Às vezes eu estou triste, daí abro os meus livrinhos e muda tudo. Já saio, vou tomar um cafezinho”, conta a aposentada Luzia dos Santos.

Quem não lê há muito tempo também retoma o hábito, e quem está começando a ler já começa com o pé direito. Na calçada mesmo, um menino se encanta com as figuras do livro. “É um ótimo começo, ele está a prendendo a ver, a identificar as figuras, logo as palavras, e vai pegar gosto pela leitura”, conta o pai da criança.

O menino Lucas, de 8 anos, é o campeão da leitura. Em 15 dias, leu 16 livros. “Você não fica aquele menino que não sabe nada, você fica aquele menino que sabe tudo já, que lê, que sabe escrever”.

Fonte: Blog Vida Universitária

25 de Junho de 2009 - Posted by | Não classificado |

Ainda sem comentários.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: